Um café com nome e sobrenome

Situada na região produtora da Mogiana, no estado de São Paulo, Espírito Santo do Pinhal busca para o seu café o selo de denominação de origem. O projeto foi submetido ao INPI para a avaliação e o Tudo al Dente falou com João Moraes, produtor local (fazenda Santana, que faz o café Exotic) e um dos articuladores do projeto para a criação do café D.O.C. de Pinhal, cidade em que este redator nasceu. Segue a entrevista:
 
Como está o processo para a denominação de origem do produto local?
O processo dos cafés da Mogiana de Pinhal é, por enquanto, uma IP – Indicação de Procedência – dentro do conceito de indicação geográfica, que abrange os produtores de café localizados nos municípios que estão na bacia do rio Mogi Guaçu.
 
Quais cafés receberão a denominação de origem?
Os cafés, tanto verde como torrados, serão passíveis de receber o selo caso sejam processados através dos métodos cereja descascado e natural atendendo ao menos o tipo 6 de classificação e pontuações acima de 80 e 75 pontos respectivamente.
 
Quais as características do café local?
Os cafés produzidos na região Mogiana de Pinhal são, predominantemente, suaves. Têm excelentes atributos de doçura, corpo e acidez, o que garante cafés equilibrados, que agradam à grande maioria dos consumidores brasileiros e internacionais. Com isso, além de nossos cafés promoverem excelentes produtos “estate coffee” (origem única), possuem performance destacada como a base na elaboração de blends para espresso, com cafés de outras regiões produtoras do Brasil e de todo o mundo.
O que o selo trará para o café local?
Na minha opinião, o café com o selo de D.O.C. ou IP deve trazer não só a garantia de ter sido produzido na região demarcada, mas também reforçar a relevância histórica do café para o desenvolvimento da região, que, no caso de Espírito Santo do Pinhal, nos remete à meados da década de 1860, e é claro, representar os atributos de qualidade que sempre destacaram a região nos cenários nacional e internacional.
Curta a nossa fan page no facebook: Tudo al Dente
Anúncios

One thought on “Um café com nome e sobrenome

  1. Que reportagem bonita e esclarecedora. Gostei bastante, inclusive da ilustração onde a natureza (verde que te quero verde) he a grande protagonista! Sabe dizer se o café já tem certificação? O café está servido……

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s