Eu só quero chocolate – minha visita à Expo Chocolate

Casa-Main.jpg

Fui ontem passear na feira Expo Brasil Chocolate 2017, que acontece até hoje, 8, no Centro de Convenções Frei Caneca, em SP. O evento tem participação de produtores e comerciantes de todo o Brasil, e apresenta novidades, novas técnicas e melhorias na produção do chocolate, com a exposição de equipamentos, embalagens e matéria-prima.

No Brasil, a indústria do chocolate tem faturamento de R$ 12,4 bilhões anuais. E o consumo per capita é de 2,8 kg, por ano, igualando-se à Itália.

Meu foco era conhecer novos chocolates. Provei dois que gostei muito, o Espírito Cacau, da cidade de Linhares, no Espírito Santo; e o CasaLuker, da Colômbia.

Fundada em 1906 na Colômbia, a marca CasaLuker tem produtos derivados de cacau Fino de Aroma, com ampla gama de chocolates, massa e manteiga de cacau, cacau em pó e grãos de cacau com certificações em qualidade que atendem aos mais altos padrões internacionais. A Colômbia que é mundialmente conhecida por produzir alguns dos melhores cafés do mundo, também produz bons cacaus. Os chocolates CasaLuker (estão no estande da Emulzint) têm aromas frutais, florais e nuances de malte. São feitos com os cacaus Criollos e Tributários e são bastante originais, com gostinho de licor de chocolate, embora representantes da marca tenham me dito que não há álcool nos produtos.

 

chocolatesespiritocacau03-626x469.jpg

Outro chocolate que conheci foi o Espírito Cacau. Falei com o diretor de marketing da casa, Orlando Gligani, que trabalhou por muitos anos na marca Kopenhagen, decidindo deixar a cidade grande para morar próximo às plantações de cacau do Espírito Santo. Provei três deliciosos sabores, 31% (ao leite), 46% e o 70%. Bastou um mordida em cada um deles para eu perceber que os produtos são de primeira. Tem aquele gosto de chocolate de verdade, que é impossível encontrar nas gôndolas dos supermercados e mercearias do Brasil.

Ao olhar os ingredientes de uma barra de chocolate, você percebe que um produto tem quantidade boa de cacau olhando a sequência de produtos. A maioria começa por açúcar. Muitos trazem açúcar, leite, gordura hidrogenada e a massa de cacau vem lá no fim. Ou seja, o cacau passa longe desses produtos.

Os dois que provei na visita às Expo Chocolate trazem cacau como o primeiro ingrediente. Eles deviam servir de exemplo para a industrial nacional. São 100% naturais, saudáveis e saborosos, utilizando ingredientes naturais, isentos de corantes, conservantes (como a famigerada gordura hidrogenada) e aromatizantes.

Uma pena que a legislação brasileira do cacau é tão falha! Isso permite que sejamos enganados quando compramos uma barra. Na minha opinião, o chocolate da Nestlé de supermercado é o pior de todos. É até pior do que o Lacta e o Garoto. A Brasil Cacau e o Cacau Show têm alguns produtos bons, mas a maioria ainda é muito ruim. Gente, vamos melhorar o chocolate do Brasil?

Mas voltando à feira, visitantes que realizarem compras acima de R$ 30, na Praça do Cacau, concorriam ao sorteio de uma barra de chocolate de 20 quilos por dia, confeccionada pelo chef Ednei Bruno (Le Chef Gatô). O espaço da feira ainda tem exposição de bolos esculpidos. Mais de 80 profissionais foram convidados para inspirar o público com propostas bacanas de bolos decorados.

Bem, aproveitei a visita para tomar um Café da Condessa, com nossa amiga Maria Carolina de Lima, produtora de um bom café no Sul de Minas Gerais. A marca está com um estande na feira, servindo um café gostoso como sempre.

Se você gosta de chocolate de qualidade, vale conhecer a feira, que termina hoje. Veja mais informações aqui: http://www.expobrasilchocolate.com.br

Anúncios

Chef Ana Luiza Trajano e Cacau Show lançam linha especial de chocolates

packs

Os sabores típicos brasileiros pesquisados pela chef Ana Luiza Trajano, do Brasil a Gosto, agora recheiam chocolates. Ontem fui ao seu restaurante para o almoço de imprensa em que ela apresentou a linha Brasil a Gosto, da Cacau Show. os produtos estarão disponíveis nas quase 2 mil lojas da marca, em todo o Brasil, em meados deste mês.

A linha Brasil a Gosto é composta por bombons, tabletes e banhados. As novidades combinam chocolate com alta concentração de cacau e ao leite com geleias de frutas de sabor singular, como maracujá-da-caatinga, bergamota-montenegrina e umbu. As castanhas, provenientes do Acre e do Piauí, dão o toque especial aos tabletes e prometem uma intensa experiência.

“A criação da linha Brasil a Gosto, em parceria com Ana Luiza, tem como objetivo surpreender os apaixonados por chocolate com um conceito inovador. É um projeto encantador, que valoriza a brasilidade e utiliza a matéria-prima de nosso país como base para proporcionar experiências únicas de degustação. Além disso, a criação da nova linha incentiva e apoia o desenvolvimento da agricultura familiar, pois conta com ingredientes provenientes de comunidades sustentáveis. Harmonizamos, nas composições, nosso conhecimento em chocolates, nas suas diferentes intensidades, com o característico carinho, que faz parte de nossa cultura e história”, ressalta Alexandre Costa, presidente e fundador da Cacau Show.

Para a chef, parcerias como essa mostram como a união dos grandes fabricantes com os pequenos produtores pode gerar resultados de sucesso. “Abraçar a causa das comunidades sustáveis é um importante passo para cumprir a missão de valorizar uma cultura tão rica e diversificada quanto a nossa”, afirma Ana Luiza.

Produtos: 

Brasil Agosto_Cx_bombons

Caixa Gostos do Brasil 225 g

A caixa Gostos do Brasil traz 20 saborosos bombons, elaborados com chocolates de diferentes intensidades e frutas. Com cinco bombons de chocolate 70% recheados com geleia de maracujá-da-caatinga, cinco bombons de chocolate 70% com geleia de bergamota-montenegrina e dez bombons de chocolate 28% com geleia de umbu, as novidades proporcionam uma verdadeira viagem gastronômica pelo Brasil. A partir de R$ 32,90.

Brasil Agosto tab 70 100g

Tablete Brasil a Gosto 100 g

O tablete Brasil a Gosto chega ao mercado em duas versões, ambas cobertas de castanhas brasileiras. A primeira opção conta com uma camada de chocolate 28% sobre deliciosos pedaços de castanha-de-caju, amendoim e castanha-do-brasil. Já na segunda opção, as saborosas castanhas aparecem envoltas pelo intenso sabor do chocolate 70%. A partir de R$ 14,90.

 Banhados:

Brasil Agosto_Coberto_Banana

 Banana banhada com chocolate 155 g

Para petiscar em todos os momentos do dia, a Cacau Show apresenta uma deliciosa porção de banana liofilizada banhada com chocolate 28%. É uma sugestão que harmoniza o sabor característico da fruta, tipicamente brasileira, com o clássico chocolate da marca, em uma deliciosa combinação de texturas e sabores. A partir de R$ 25,90. Este foi o meu preferido.

Brasil Agosto_Cobertos_Castanha (2)

Castanha-do-brasil banhada com chocolate 155 g

Os amantes de chocolate de alta intensidade têm mais uma opção para se apaixonar: as castanhas-do-brasil, banhadas com o chocolate 70% da marca. A partir de R$ 25,90.

Gostei de todos. O meu preferido é o a banana banhada de chocolate ao leite.

Aliás, o chocolate ao leita da Cacau Show usado na receita está muito bom… me surpreendeu.

Serviço: http://www.cacaushow.com.br

Fotos: divulgação

Chocolate do Combu (PA), gostinho da Floresta Amazônica

foto 1

Finalmente provei o chocolate da ilha do Combu (foto abaixo), este fim de semana. O produto artesanal é feito às margens do rio Guamá, por povos ribeirinhos com o cacau forasteiro local. Este chocolate rústico vem embrulhado numa embalagem linda, com folhas de cacau e é feito por dona Nena, que beneficia dez quilos de sementes de cacau por semana.

combu

O chocolate que vem conquistando chefs nacionais – como o paraense Thiago Castanho, que serve doces feitos com o chocolate em seu restaurante Remanso do Bosque – e paladares gourmets é feito a partir de sementes de cacau que são selecionadas, depois fermentadas e torradas, antes de serem espremidas num espremedor caseiro de carne, o que resulta no chocolate propriamente dito, com a massa e a manteiga do cacau amalgamadas.

cacau

O produto é 100% cacau e vem sem açúcar, o que faz com que sintamos toda a complexidade de aromas e sabores. De acordo com a tabela de sabores lançada pelo produtor baiano Diego Badaró, da Amma, pude sentir/perceber aromas florais de jasmim e gerânio; frutados de cupuaçu, frutas secas e ameixa. Pude ainda provar gostinho de macadâmia, azeitona, baunilha, cogumelo, madeira e manteiga. Mas, o que se destaca mesmo é o sabor de Floresta Amazônica. É como se cada barra fosse um naco amalgamado da floresta e sua exuberância.

cacau

Publiquei, ontem, a foto das barras embrulhadas no instagram e muita gente veio me perguntar onde comprei as barras em São Paulo. Comprei com a Antônia (veja serviço abaixo), que vende cada barra de 100g por R$ 6,50. Pedi quatro e ela fez a entrega na minha casa. Aproveitei a iguaria de várias formas. Eu a comi pura, fiz chocolate quente, que ficou delicioso, barrinhas de chocolate ao leite e de chocolate com açúcar e sem leite. Fiz ainda brigadeiro. Embrulhado em suas folhas, com o aspecto rústico e artesanal, é um belo presente para amantes de gastronomia.

Serviço: Onde comprar os produtos – com Antônia PadvaisKas, do Empório Poitara, tel.: (11) 97310-5024 / 98344-4040

Fotos: banco de imagem e Antônio Carrion