Bistrô Ó-Chá recebe a Pâtissière Vivianne Wakuda

mesa

Até dia 6 de dezembro, o Bistrô Ó-Chá recebe a Chef Pâtissière Vivianne Wakuda, servindo releituras de doces clássicos inspiradas nos chás da carta da casa.

novembro_590

Opções como a Bavaroise de manga com biscuit champagne levam o biscoito embebido em calda de chá do deserto (R$13), as Madeleines são aromatizadas com o chá Templo do Céu (R$3), a Pavlova, com Diabo no Corpo (R$12).

novembro_629

Não poderiam faltar clássicos já conhecidos da confeiteira, como o Mil crepes de matchá (R$15) e o Choux cream de matchá (R$12). O Chiffon cake de Earl Grey com papoula (R$8) e os Macarons de Chá Preto e Rosas da China, Rooibos Caramelo ou Rooibos Cacau e Laranja (R$5,50) são excelentes opções para harmonizar com chás de sabores contrastantes que podem ser escolhidos com a ajuda da proprietária Mónica Costa, especialista no assunto.

novembro_659

 

Os doces se revezam durante a semana, que trás também um cardápio de almoço especialmente elaborado para celebrar a visita de Vivianne. Sugestões como a Trouxinhas de massa filo com camarão com molho agridoce e purê de cenoura, gengibre e canela (R$38), o Curry verde de vegetais e castanhas com arroz jasmine e pão naan (R$34), o Kebab de cogumelos shitake com glaze de shoyo e salada de papaia verde com amendoim (R$32) e o Hambúrguer de cordeiro com chutney de amora e tabule marroquino (R$38) estão entre algumas das sugestões do dia para esta semana especial.

Serviço: Rua Aspicuelta, 194 – Vila Madalena, tel.: 2737 8001; De segunda a sexta das 11h às 20h; Sábado, domingo e feriados das 10h às 20h
Fotos: Giuliana Nogueira

Anúncios

Creme brulèe de banana para começar bem a semana

Receita do Creme Brulèe de banana, da chef Renata Braune

Ingredientes:

500 ml de creme de leite

5 gemas

150 gr de açúcar

5 bananas da terra

100grs de acucar

50 ml de agua

30 grs de manteiga


Modo de Preparo:

Bata no liquidificador o creme de leite, as gemas e as 15gr de açúcar. Reserve.

Corte as bananas em rodelas e cozinhe até ficarem carameladas (com cor dourada). Deixe esfriar e coloque em um pote refratário.
Cubra com o creme e asse por 15 minutos, em banho maria no forno a 160 graus (preaquecido )

 Serviço: La Reina Deli Bar, Rua Joaquim Antunes, 621, Pinheiros, SP

Foto: Divulgação

Cheesecake de goiaba e de frutas vermelhas com ganache de chocolate

Aprenda a fazer cheesecake com a chef Fernanda Melnik Zekcer, da Cheesecakeria, casa de Moema, São Paulo.

Cheesecakeria Friutas Vermelhas-3396

Fresh berries e ganache de chocolate cheesecake

(8 porções)

Ingredientes: Massa:1 pacote de bolacha de chocolate, 100 g de manteiga sem sal. Recheio: 4 claras, 4 gemas, 400 g de cream cheese, 2 colheres (chá) de suco de limão, 6 colheres (sopa) de açúcar, 4 colheres (sopa) de farinha de trigo, 8 colheres (sopa) de creme de leite, 1 lata de leite condensado e 2 colheres (sopa) de açúcar. Cobertura: 200 g de chocolate meio amargo, 200 g de creme de leite, frutas vermelhas frescas (amora, framboesa, mirtilo e morango) para decorar.

Modo de fazer: Triture as bolachas e misture com a manteiga amolecida até formar uma massa homogênea. Forre uma forma de fundo removível e leve ao forno a 180 ºC por 10 minutos. Reserve. Bata as claras em neve com 2 colheres (sopa) de açúcar e reserve. Na batedeira, bata o cream cheese e acrescente os demais ingredientes. Coloque delicadamente as claras em neve até ficar um creme uniforme. Despeje o creme sobre a base de bolachas e leve ao forno, preaquecido a 180 ºC, por aproximadamente 50 minutos. Retire do forno quando as bordas estiverem firmes e o meio um pouco mole. Espere esfriar e coloque na geladeira por 4 horas. Ganache: Derreta o chocolate em banho-maria ou no micro-ondas e misture com o creme de leite até formar um creme liso. Montagem: Desenforme o cheesecake e passe uma fina camada de ganache por cima (que servirá para fixar as frutas). Decore com as frutas e sirva.Cheesecakeria-3268Cheesecake de goiaba

(12 porções)

Ingredientes para base:1 pacote de bolacha maisena, 75g de manteiga. Ingredientes para o recheio:150 g de açúcar, 600g de cream cheese, 3 ovos, suco de um limão, gotas a gosto de essência de baunilha. Ingredientes para a calda de goiaba: 200g de goiabada de sua preferência, 100 ml de água mineral.

Modo de preparo: Tritura a bolacha maisena e reserve. Derreta a manteiga em micro-ondas e junte à farinha da bolacha até formar uma massa consistente. Em uma forma de fundo falso, unte a base com manteiga e papel manteiga e coloque a massa de bolacha, apertando com as mãos no fundo e nas laterais. Coloque no refrigerador por 10 min. Coloque na batedeira o cream cheese e os 150g de açúcar e bata em velocidade média até a mistura ficar homogênea e cremosa. Acrescente os ovos um de cada vez e bata até que cada um seja completamente incorporado; só então acrescente o seguinte. Depois coloque uma farta colher de sopa de suco de limão e por último as gotinhas de baunilha. Acenda o forno e deixe pré-aquecer em 180 C. Distribua o recheio na forma bata levemente a forma sobre uma superfície para eliminar as bolinhas de ar e leve ao forno por aproximadamente 45 minutos ou até que o recheio esteja firme no centro. Tire do forno e deixe esfriar. Leve ao refrigerador, por pelo menos 8 horas para adquirir consistência. Para fazer a calda, corte a goiabada em pedaços e coloque em uma panela com a água para dissolver. Se precisar, dissolva os pedacinhos   de goiabada com um mixer. Deixe esfriar. Desenforme a torta e cubra com a calda de goiabada fria. Bom apetite! Serve 12 pessoas.

Serviço: Cheesecakeria – Rua Canário, 499, São Paulo, tel.: (11) 4117-0400

Aprenda a fazer pavlova de frutas vermelhas

image003

A receita é simples e deliciosa. Vem da Fratelli, no Rio.

Ingredientes: Para a base de suspiro: clara de ovo 150g, Açúcar 300g. Para o chantilly: creme de leite fresco 250g; açúcar 25g; fava de baunilha 1/2 unidade. Para a calda de frutas vermelhas: morango 80g; amoras 80g; mirtilo 80g; framboesa 80g; açúcar 120g

Modo de Preparo: Coloque as claras, em temperatura ambiente, em uma batedeira. Comece a bate-las juntando um pouco o açúcar. Deixe bater por 10 minutos na velocidade máxima, ou espere até que todos os cristais de açúcar tenham se derretido. Coloque o composto em um saco de confeiteiro, forre um tabuleiro com um tapete de silicone ou papel de forno e faça uns discos de 9cm de diâmetro. Asse no forno em 90C por 90 minutos. Para a calda de frutas, coloque o açúcar em uma panela, junte uma colher de água e faça um caramelo branco. Junte as frutas e deixe ferver até virar uma calda, porém mantenha as frutas em pedaços. Para o chantilly, bata o creme bem gelado com o açúcar e baunilha. Monte a pavlova colocando no prato a base de suspiro, e por cima o chantilly. Finalize com as frutas vermelhas.

Serviço: Fratelli Leblon, Av. General San Martin, 983, Rio de janeiro, Tel: (21) 2259-6699

Aprenda a fazer bolo integral de cenoura da Patrícia

foto (1)

Outro dia, provei o bolo integral com açúcar cristal orgânico da Patrícia. Delicioso, bem feito. Pedi a receita, que fiz na casa da minha mãe, a quatro mãos com ela. Acabei fazendo algumas pequenas adaptações. Ficou ótimo, molhadinho. Passo para vocês, abaixo.

Ingredientes: 4 ovos, duas xícaras de chá cheias de farinha de trigo integral *(usei a Renata integral); uma xícara de açúcar cristal orgânico; 4 cenouras (tamanho médio pro grande sem casca, picadinhas na faca); 1/2 xícara de óleo de milho; ½ xícara de leite; 1 colher de sopa rasa de fermento em pó;

Modo de fazer: num liquidificador, bater todos os ingredientes, menos a farinha de trigo e o fermento em pó. Assim que virar um líquido cremoso, colocar numa vasilha e misturar  o trigo e o fermento. Untar uma forma média. Levar no forno pré-aquecido e deixar por 40 minutos (200º), ou até estar assadinho.

Cobertura: 1 colher de sopa de cacau em pó (usei cacau belga); 10 colheres de sopa de leite; 1 colher de manteiga e 4 colheres de açúcar. Regar o bolo quando tirar do forno. O bolo fica saboroso mesmo sem cobertura.

Aprenda a fazer alfajor argentino

alfajor

A receita é da Harald Chocolates. O tempo de preparo mé de 1h30, o rendimento é de 18 a 20 alfajores.

Ingredientes Massa: 1 e ½ xícara (chá) de farinha de trigo; 1 e ½ xícara (chá) de amido de milho, ½ colher (chá) de fermento químico;  ½ xícara (chá) de açúcar;  1 xícara (chá) de manteiga (200 g); 1 gema; 1 colher (chá) de essência de baunilha. Recheio: 1 lata de leite condensado; 2 minirretângulos de chocolate ao leite (100 g). Cobertura: 2 xícaras (chá) de açúcar de confeiteiro impalpável.

Modo de preparo Massa: peneire a farinha, o amido e o fermento. Reserve. Numa batedeira, bata o açúcar com a manteiga e a gema até obter um creme esbranquiçado. Retire da batedeira, junte os ingredientes peneirados e amasse até obter uma massa lisa, homogênea e que solte das mãos. Embale em filme plástico e leve à geladeira por 30 minutos. Com um rolo, abra a massa entre duas folhas de plástico e corte a massa com cortador de 6 cm de diâmetro. Arrume em assadeiras, deixando espaço entre elas. Asse em forno médio (180ºC), preaquecido, por cerca de 15 minutos ou até dourar a base. Retire e espere esfriar. Recheio: em uma panela, junte o leite condensado e o chocolate ao leite picado. Leve ao fogo baixo e, mexendo sempre, deixe até soltar do fundo da panela. Passe para um prato untado e deixe esfriar. Montagem: distribua o recheio em metade dos biscoitos e uma com o outro, formando um casadinho. Passe no açúcar de confeiteiro Impalpável e retire o excesso. Embale com papel celofane, depois com papel crepom e finalize com um bonito laço com fita de cetim. Dica: se desejar, banhe os alfajores em 400 g de chocolate ao leite derretido e temperado conforme as instruções da embalagem.

Serviço: http://www.harald.com.br

Foto: divulgação

 

Tatin, a torta ritual

tarte_

No próximo dia 24 de setembro é comemorado o Rosh Hashaná, ano novo judaico. Uma das tradições da data é mergulhar a maçã no mel e comê-la, ritual para atrair um ano mais doce e próspero.

Todos os anos o restaurante Chef Rouge, em São Paulo, apresenta a tradicional torta francesa de maçãs, a tatin especialmente para a data. O restaurante aceita encomendas nas duas unidades até o dia 23 de manhã. Custa R$ 130 a unidade, que serve até dez pessoas.

É uma das melhores tatins de São Paulo, viu, gente? Mais gostoso do que levar para casa é se sentar no restaurante é que lindo.

Aproveito o ensejo e passo, abaixo, a receita da minha tarte tatin. É fácil de se fazer e deliciosa.

Ingredientes (massa): 200 g de farinha de trigo (1 xícara e meia, mais ou menos), 125 g de manteiga gelada em cubos (meio pacote), 1 colher (sopa) de açúcar,  1 pitada de sal,  1 a 3 colheres (sopa) de água gelada. Para o recheio: 8 maçãs grandes sem pele, cortadas em oito partes cada (sem sementes), 1/2 limão, 125 g de manteiga  (meio pacote) e
1 1/4 xícara (chá) de açúcar.

Modo de Preparo (massa): Corte a manteiga em cubinhos. Numa tigela, coloque a farinha e os cubinhos de manteiga e misture com as mãos, formando uma farofa. Em seguida, acrescente o açúcar e o sal e misture com as mãos. Adicione uma colherada de água gelada por vez, conforme a necessidade. Vá verificando o ponto da massa. Ela massa deverá ficar lisa e homogênea. Faça uma bola e coloque-a entre duas folhas de plástico filme (pode ser qq plástico, inclusive saquinho de supermercado) e abra a massa até que fique com o tamanho da forma que vc for usar. Recheio: Com uma faquinha afiada, descasque as maçãs e retire as sementes. Corte a maçã (na vertical) em 8  partes e as coloque numa travessa com água e o suco de ½ limão (o limão não deixa que os pedaços escureçam). Numa panela, coloque o açúcar, a manteiga e as maçãs cortadas. Deixe cozinhar até que as maçãs sejam facilmente perfuradas com a ponta de uma faca. (cada pedaço de maçã deve ficar bem dourado). Preaqueça o forno a 180ºC .Numa fôrma redonda antiaderente, distribua as maçãs. A seguir, colocar por cima das maçãs, a massa aberta, até cobrir toda a superfície. Leve a torta ao forno preaquecido e deixe assar por 25 minutos ou até que a massa fique dourada. Retire a torta do forno e deixe esfriar um pouco. Para desenformar a torta, coloque um prato sobre a fôrma, segure bem e vire de uma vez. Se a torta não desenformar de imediato, dê alguns soquinhos na fôrma. Não deixe a torta esfriar muito, pois você correrá o risco de ela ficar grudada na fôrma. Neste caso, e só em último caso, aqueça um pouquinho a torta em fogo baixo e repita a operação. Sirva morna com sorvete de creme.

Serviço: Chef Rouge, rua Bela Cintra 2238, Jardins, São Paulo, tel. 11 3081-7539  

Foto: divulgação

Oito sobremesas que gosto em São Paulo

Não são sofisticadas as minhas sobremesas preferidas, algumas são bem simples, de sabor quase infantil. Penso nelas quase todas as semanas. Sempre que posso, visito essas casas para saboreá-las. Veja as minhas oito sobremesas preferidas em São Paulo.

bolo de coco gelado

Bolo de coco gelado, La Vie em Douce. Carole Crema, chef da doçaria paulistana se inspirou no bolo gelado clássico que toda a avó fazia. Este é o best seller na La Vie. Se falta, tem cliente que entra em crise de abstinência. (11) 3086-7172

taça_

Taça bem casado, Alucci Alucci. A sobremesa leva pão-de-ló macio e fresquinho, doce de leite, calda de chocolate, sorvete de creme e fios dourados de açúcar. É saborosa. As várias texturas combinam perfeitamente. Parece sobremesa de festa. (11) 3086-1252

Pudim_

Pudim de leite, Shoshi Delishop. É um dos pudins de leite mais famosos da cidade. Não leva leite condensado. A receita usada é a mesma do crème caramel francês. Sempre levo amigos de passagem por São Paulo, ao restaurante, que fica no bairro central do Bom Retiro. (11) 3258-5055

tatin_

Tarte tatin, Chef Rouge. Tem gostinho da torta tradicional, leva apenas farinha de trigo, manteiga, maçã e açúcar na composição; no ambiente do restaurante, ao levar um pedaço à boca, me sinto numa brasserie parisiense. (11) 3081-7539

pudim_galletos

Pudim de leite, Galeto’s. Os pudins são enormes, cozidos em potinhos de vidro. Eles não são servidos virados, mas dentro dos tais potinhos. Peça com meio pêssego em calda em cima. É uma sobremesa bonita e deliciosa. Gosto de jantar, vezenquando, na unidade da esquina da Rua Augusta com Alameda Lorena, em São Paulo. (11) 3085-8739

Dalva-e-Dito

Pudim de leite, Dalva e Dito. Como vocês podem perceber, adoro pudim de leite. Este, do restaurante do Alex Atala, é enorme e leve. Sobremesa para dividir, na mesa, com amigos. (11) 3068-4444

210 Diner_ Red Velvet Cake 2

Red velvet cake, 210 Diner. O bolo é um dos mais tradicionais americanos. Este da casa do Benny Novak leva suco reduzido de beterraba na massa. A cobertura tem chocolate branco e iogurte. O restaurante entrega em casa. É possível encomendar o bolo inteiro. (11) 3661-1219

Marakuthai_Santa Tereza_Wellinton Nemeth01

Doce de Santa Tereza, Marakuthai. Certa noite, Renata Vanzetto, dos restaurantes Ema e Marakuthai, chegou em casa de madrugada e foi fazer um brigadeiro branco. Colocou na panela leite condensado e creme de leite. Ao chegar no ponto que queria, notou que a guloseima tinha ficado muito doce. Abriu a geladeira para ver o que poderia “salvá-la”. Encontrou cream cheese e iogurte e acrescentou ao creme que estava pronto. E assim chegou a receita final da sobremesa que se chama Praia de Santa Tereza. (11) 3062-7556. Veja a receita a seguir:

Receita 

Ingredientes: Para o creme: 300 g de leite condensado, 225 g de creme de leite sem soro, 150 ml de iogurte natural e ½ pote de cream cheese. Cozinhar o leite condensado com o creme de leite até o ponto de brigadeiro, esfriar. Misturar o iogurte e o cream cheese. Passar na peneira e gelar. Para a calda: Cozinhar 100 g de framboesa com 40g de açúcar e 40 g de água, deixar reduzir. Para tuille: 30 g de farinha de trigo, 20 g farinha de amêndoas, 20 g de açúcar, 2 claras de ovo, 20 g manteiga. Misturar todos os ingredientes em uma assadeira de silicone, passar com uma colher fazendo gotas finas e assar até que esteja dourada. Com um aro em um prato, pôr o creme, em cima a blueberry, a tuille, decorar com morangos e hortelã.

Fotos: divulgação

 

 

Onze dicas para adocicar o seu Natal

leckerhaus_tbf9619

A doçaria Leckerhaus criou diversos bolos de fim de ano. Este aqui leva marsipan na massa e tem cobertura de glacê. Tem um jeitinho de doce caseiro que eu gosto muito. (11) 2528-1234. R$ 16, o pequeno, R$ 44, o grande.

bolo_

Fundado por Rita Atrib, o Buffet Petit Comité é presença constante em caterings de artistas internacionais. Para o Natal, a chef fez este naked cake de chocolate amargo com frutas vermelhas. Um dos doces mais bonitos que vi nos últimos tempos. Tel.: (11) 5584-9879. R$ 98, o quilo.

pudim_de_claras_1

O pudim de claras é um clássico da doçaria francesa. Este aqui foi feito pelas mãos da chef Edir Nascimento, do 339 Gastronomia. Ela diz que o doce exige cuidados especiais. “Coloco-o no forno, bem baixo, para que o pudim não suba muito na forma. De vez em quando, vou abaixando as claras com as mãos”, diz a chef, que o enfeita com amêndoas toradas e fios de ouro feitos com caramelo. Tel.: (11) 3746-5415. R$ 150, para oito pessoas.

c2r5dj71zuvept5jyn7ox6lx8

A Marie et Marie, marca especializada em bolos de inspiração caseira, preparou o Bolo Noite Feliz, feito com frutas para o Natal. Trata-se de uma receita de feita numa forma exclusiva. Entre os ingredientes, destaque para especiarias e vinho do Porto. (11) 2093-5278. R$ 65.

buche_de_noel_de_macaron

A bûche de Noël de macaron é da Red Boutique Gourmet. Inaugurada em julho, a loja oferece o seu primeirocardápio especial para a data. Aceita encomendas até 20 de dezembro. (11) 3872-2993. R$ 86, o quilo.

it_cake

O It Cake Especial recheado com doce de leite argentino e frutas secas, da La Vie en Douce, tem três andares, recebe como cobertura açúcar de confeiteiro e frutas vermelhas e verdes que imitam as paisagens do inverno nórdico. Tel. (11) 3088-7172. R$ 59,90.

MaraMello_TortaLichiaComMorango_ByAntonioRodrigues9629 (1)

A chef Mara Mello fez diversos doces para o fim de ano. Todos lindos. Um deles é essa torta de pistache com framboesa. Leva base de sablée breton, mousse de pistache, framboesas, mini macarons e mini suspiros. Tel: (11) 3081-5229. R$ 110.

Cosa Nostra_Panetone Milanês aberto - Pandoro

Os panetones Tre Marie são oferecidos em diversos sabores, entre eles, o tradicional milanês e o pandoro (foto), que tem formato de uma alta estrela e é feito a partir da original receita Veronese, com mel de laranja e uma mistura de ovos, manteiga e farinha. No Rio de Janeiro, o quitute é vendido na Cosa Nostra Deli. Tel.: (21) 2523-2745. Preços médios: R$ 99, o milanês tradicional e R$ 589, referente ao panetone de 4 kg.

casinha-especiarias

A Torta e Cia acaba de abrir loja nova no Freeway, na Barra da Tijuca, no Rio. Para o Natal, traz torta de amêndoas com chocolate, com base de macarron de amêndoas, coberto com ganache de chocolate e amêndoas e a casinha, versão do tradicional panetone (foto). (21) 2420-9132. R$ 98,00.

wayner_lyra

Os biscoitos decorados de Natal são criação do chef Wayner Lyra, do Marie Antoinette. Os amantegados são decorados com glacê real e podem ser encontrados nos seguintes formatos: cookie snowflake, cookie árvore de Natal, cookie sino, cookie bola de Natal, cookie Santa Claus, cookie candy cane e cookie gingerbread. meuspedidos@marieantoinette.com.br R$ 10, cada um.

qoy

A caixa de chocolates da Qoy tem barrinhas feitas com ervas brasileiras… São 75 tabletes, aromatizados naturalmente com alfavaca, alecrim, erva cidreira, hortelã, melissa, funcho e capuchinha. As ervas são orgânicas, certificadas pelo IBD e, originárias do Sítio Ervas Dei Falci, de propriedade da família da Andréia, criadora da marca. Ótimo presente de fim de ano. Bacana igualmente para servir para visitas na hora do café. (11) 3266-7357. R$ 96.

Fotos: Giu Gnr/ Tadeu Brunelli/ divulgação